Notícia - 11/09/2019 - 17:25

Preditmus. O que vem após o reconhecimento de imagem?

  O que você conhece ou mesmo já experienciou em se tratando de reconhecimento de imagem? Você destrava a tela de seu celular apenas posicionando ele a frente de seu rosto? Você já tem algum aplicativo que igualmente tem funções liberadas pelo reconhecimento de imagem? E sobre inteligência artificial? Este outro componente tecnológico que estamos nos referindo, se faz presente no nosso dia-a-dia, na Netflix, em sites de compras como a  Amazon,  no setor da Polícia Federal no aeroporto e etc trata-se da IA ou Inteligência Artificial e Machine Learning.


Ambos se originam na evolução de sistemas computacionais fundamentados em ciências exatas tais como a matemática e a estatística. Estas mais modernas aplicações científicas, se apoiam em algoritmos e são  programadas para  ensinar os algoritmos de IA a captar dados que ele gerou e fazer ele reaproveitar e aprender os costumes do indivíduo. A ideia é detectar e aprender padrões  do comportamento humano.


Dentre as evoluções ou variantes de aplicações com IA e machine learning queremos pontuar aquela nomeada de reconhecimento facial.  Reconhecer a situação emocional e física da pessoa. Ou seja, por meio dela,  você já consegue detectar se a pessoa está feliz ou se ela está triste. Consegue detectar comportamento através de expressões faciais. E indo além,  ao se exibir um um vídeo de 30 segundos, consegue-se medir a pressão sanguínea de uma pessoa de acordo com uma pesquisa da Universidade de Toronto. Um benefício para a indústria da saúde, que une  o reconhecimento facial e das coisas com um óculos de realidade mista


Ao entendermos ainda melhor o modelo de negócios de nosso clientes parceiros, mergulhamos em uma busca por soluções que reúnam componentes tecnológicos que por vezes operam "soltas" em plataformas ou ativações de marketing.


Para a Mistral Vinhos, a maior importadora e distribuidora do país,  foi idealizado e já está em fase de prototipagem um desenvolvimento de um software, ou melhor, uma plataforma que atue com reconhecimento facial e gere uma aplicação prática benéfica para o ponto de venda. Esta solução adota um conjunto de múltiplos algoritmos para trazer um resultado eficaz de como abordar, tratar e entender preferências de seus clientes.  Trata-se de uma solução para o desafio que a mistral possui de saber como recomendar e quais vinhos para seus clientes no e-commerce e no ponto de venda.


Como um  atendente no ponto de venda poderia tomar vantagem de  informações da pessoa que está entrando na loja para proporcionar uma experiência única? Cruzando então informações pessoais como histórico de compras,  perfil sócio-econômico, isso tudo juntamente com o "momento" do indivíduo, o sentimento expresso em sua fisionomia são incorporados na forma do concierge agir. 


O que apresentamos aqui se configura na evolução daquilo que vai além apenas do reconhecimento facial e sim do "sense feeling" ou seja, do reconhecimento de sentimento. Isso pode ser demasiado útil para interações mais assertivas pensando até mesmo como uma equipe preenchida com novos integrantes conseguiria manter e aperfeiçoar o nível de excelência de atendimento. Pois um novo membro da equipe tem a sua disposição informações que  melhor nivelam sua atuação.  


Visionamos também  incluir recursos como este em se tratando do ambiente online. Na medida que o usuário-cliente se sente confortável em abrir sua câmera em contrapartida de se obter uma experiência de visita e compra em uma plataforma de e-commerce por exemplo, mais customizada. Assim,  as mensagens, a interface pode ser exibida de uma forma intencionando atender preferências de produtos, fluxo de compras, e o momento do visitante. 


Por certo, discussões filosóficas e do ponto de vista jurídico irão emergir acompanhando aquilo que a tecnologia desbrava de inovação. Visando proteger, visando harmonizar com o entendimento de sociedade organizada.  Mas do ponto de vista do marketing tão somente, muito passará a ser realidade em funcionamento, na medida da permissão do indivíduo que percebe valor, benefício e comodidade em operações que em seu próprio julgamento são triviais. 


Se você tem o desejo de proporcionar uma experiência incrível para seus clientes, fale conosco:

    Agradecemos a sua mensagem. Entraremos em contato em breve!

    ÚLTIMAS NOTÍCIAS